O Desfile Cívico em Tailândia promete ser a maior homenagem da História do município à Independência do Brasil

Educação Esporte e Lazer

O Desfile Cívico em Tailândia promete ser a maior homenagem da História do município à Independência do Brasil

Esse ano fazem 196 anos em que a princesa regente Leopoldina assinou o decreto e D. Pedro l proclamou a Independência do Brasil da metrópole portuguesa, fazendo livre o Brasil.

Esses quase dois séculos de Independência demonstram tão quão ainda somos frágeis, dependentes e carentes do respeito a diferença.

Nesse sentido, as escolas de Tailândia, juntamente com a Secretaria de Educação, com apoio do prefeito Macarrão, tomaram a iniciativa de ter nesse Desfile Cívico o tema: ”Salve a Diversidade Humana, Diferença Não é Defeito”, com objetivo de resgatar o respeito pelo outro dentro das nossas diferenças.

“Tailândia é um município novo e precisa afirmar seus valores e esse desfile, minha gente, é a prova cabal que precisamos avançar”, afirma o prefeito Macarrão.

 

 

Esse ano, mais de 18 mil alunos matriculados no município e seus familiares estarão prestigiando o Desfile Cívico de 7 de Setembro, além das escolas da zona urbana, que desfilarão na Praça do Povo, a partir da alvorada, às 7 e 30 da manhã, participarão a banda da Escola de Música, os Desbravadores da Igreja Adventista, Bandas de Fanfarras, da Unopar, Unisa, Gamaliel, Pólo da UAB, Universidade Brasil, CRAS, Bombeiro Civil e o Lions, com o Projeto Escola da Vida (PEV), do Corpo de Bombeiros Militar, a escola Raimundo Nonato também contará presença.

 

Sendo a primeira vez, o Programa Educacional de Resistência às Drogas da CIPM de Tailândia (Proerd), que consiste num esforço cooperativo estabelecido entre a Polícia Militar, a escola e a família, tendo como missão e visão ensinar aos estudantes boas estratégias de tomada de decisão para ajudá-los a desenvolver habilidades que os permitam conduzir suas vidas de maneira segura e saudável, participará do desfile.

 

Desfile Cívico em Palmares terá destaque

À tarde do dia 7 de setembro, às 16 horas, será a vez das escolas da zona rural que desfilarão no Distrito de Palmares. Na região do Distrito estarão presentes as escolas São Felipe, Eriberte Jasper, Camilo Salgado, escola Santo Antônio, São Pedro, Santa Inês, a Vila Israel, entre outras atrações, como a Banda Marcial de Palmares, para marcar o Desfile Cívico.

 

“Salve a Diversidade Humana, Diferença Não é Defeito” é o tema do Desfile Cívico de Tailândia

Muitos filósofos e cientistas sociais se atreveram a conceituar a diferença e a inclusão. Marx escreveu que “[…] não é a consciência do homem que lhe determina o ser, mas, ao contrário, o seu ser social que lhe determina a consciência”. Bertolt Brecht afirmou que, “[…] para quem tem uma boa posição social, falar de comida é coisa baixa. É compreensível: eles já comeram”.

Assim, seja no campo da educação, da filosofia, e principalmente social, a inclusão é a maior missão que os educadores tem que enfrentar em seu dia a dia, pois a função do professor vai além do ato de educar, seu papel é o de mediador no processo de inclusão de cidadãos à sociedade.

E esse enfretamento com a diferença e a inclusão não é apenas na escola, mas na cultura, no mercado de trabalho e até mesmo na família.

Por isso, os educadores de Tailândia escolheram esse tema, como uma forma de formatar a cultura do respeito, a cultura da tolerância e da paz em nosso município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *